Mostrar registro simples

dc.creatorTomaz, Luciane Magri
dc.date.accessioned2016-06-02T19:23:02Z
dc.date.available2014-12-09
dc.date.available2016-06-02T19:23:02Z
dc.date.issued2014-07-12
dc.identifier.citationTOMAZ, Luciane Magri. O treinamento resistido promove modulações gênica e proteica de sinalizadores do metabilismo glicolítico no fígado de ratas ovariectomizadas. 2014. 44 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2014.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/1378
dc.description.abstractMenopause is associated with higher risks of metabolic changes that may compromise women s life quality. Glicemia is regulated by the liver which is responsible for glucose storage at postprandial and for glucose efflux in a fastened state. The absence or the reduction of stradiol levels cause glucose intolerance and deregulated insulin output in bloodstream, setting of the insulin resistance process (RI). Hepatic glucose regulation is directly related to the accurate control of gene expression which encodes different isoforms of oxidation proteins and glucose input proteins. Studies suggest that Resistance Training (TR) prevents RI on ovariectomized (Ovx) rats liver. However there are few molecular events that support TR. Objective: To investigate the Ovx and TR effects over protein and gene expression of biomarkers associated with insulin signalization and glucose oxidation in rats liver. Methods: Adults Sprague-Dawley were divided into 4 groups (n=6 each group): Sedentary Sham-surgical (Sham-Sed); Sedentary-Ovx (Ovx-Sed); (Sham-Tr) and (Ovx-Tr). Tr protocol included 1.1 m vertical climbing with tied weight to the rats tail. Each session consisted of 4 to 9 climbing and 2 minutes of resting between the exercises. Training was performed 3 times a week during 10 weeks. Gene expression was analysed using real time quantitative PCR and protein assays by Western Blotting technic. Results: GLUT2 gene and protein expression and PGC-1α gene expression increased significantly; and p-Akt Ser473 protein expression decreased in Ovx group. TR promoted a greater increase of PGC-1α gene expression and further repair of GLUT2 gene and protein expression and p-Akt Ser473 protein expression. Conclusions: The results show the ovariectomy promotes overexpression of molecular markers that induced RI. These findings suggest that TR may play an important role on the RI prevention in Ovx animals through gene and protein expression repairment of the glycolytic metabolism signalling molecules.eng
dc.description.sponsorshipUniversidade Federal de Minas Gerais
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectFisiologiapor
dc.subjectTreinamento resistidopor
dc.subjectOvariectomiapor
dc.subjectFígadopor
dc.subjectMetabolismopor
dc.subjectOvariectomyeng
dc.subjectExerciseeng
dc.subjectGLUT2eng
dc.subjectAkteng
dc.subjectInsulin resistanceeng
dc.subjectPGC-1&#945eng
dc.titleO treinamento resistido promove modulações gênica e proteica de sinalizadores do metabilismo glicolítico no fígado de ratas ovariectomizadaspor
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Perez, Sergio Eduardo de Andrade
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9408953831211309por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/8430651176725216por
dc.description.resumoA menopausa está associada ao risco aumentado de diversas alterações metabólicas que podem comprometer a qualidade de vida. A glicemia é regulada pelo fígado o qual é responsável pelo armazenamento de glicose no período pós-prandial e pelo efluxo da glicose no jejum. A ausência ou redução dos níveis de estradiol provocam liberação desregulada de insulina na circulação sanguínea e intolerância à glicose, desencadeando o processo de resistência à insulina (RI). A regulação dos níveis de glicose hepática está diretamente relacionada ao controle preciso da expressão dos genes que codificam as diferentes isoformas de proteínas de oxidação e captação de glicose. O treinamento resistido (TR) pode prevenir a RI no fígado de ratas ovariectomizadas (Ovx). No entanto ainda há poucos eventos moleculares que fundamentam o TR no modelo experimental de menopausa. Objetivo: investigar os efeitos da Ovx e do TR sobre a expressão gênica e proteica de biomarcadores relacionados à sinalização da insulina e oxidação da glicose no fígado de ratas. Métodos: Ratas Sprague Dawley adultas foram divididas em 4 grupos (n = 6 por grupo): sham operado sedentário (Sham-Sed), Ovx sedentário (Ovx-Sed), Sham-Tr e Ovx-Tr. O protocolo TR exigiu dos animais a escalada vertical de 1,1 m com pesos atados as suas caudas. Cada sessão consistiu de 4-9 escaladas, com intervalo de 2 minutos entre as escaladas, realizados 3 vezes por semana durante 10 semanas. A análise da expressão gênica foi realizada por PCR-RT pelo método ΔΔCt e as análises proteicas pela técnica de Western Blotting. Resultados: Aumentou significativamente expressão gênica e proteica de GLUT2 e gênica de PGC-1α, também a diminuição da quantificação proteica de Akt-p(Ser473) no grupo ovariectomizados sedentário. A diminuição da expressão gênica e proteica de GLUT2, o aumento da expressão gênica de PGC-1α e proteica de Akt-p Ser473 nos grupos treinados em relação ao grupo controle e ovariectomizados. Conclusão: Os resultados demonstram que a ovariectomia promove a superexpressão de sinalizadores moleculares que induz a RI e o TR foi capaz de promover a restauração desta sinalização. Estes achados sugerem que o TR exerce efeitos notórios na modulação dos sinalizadores que podem induzir a RI em animais Ovx, por meio da restauração da expressão gênica e proteica das moléculas que sinalizam o metabolismo glicolítico.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Ciências Fisiológicaspor
dc.subject.cnpqCIENCIAS BIOLOGICAS::FISIOLOGIApor


Arquivos deste item

Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples