Show simple item record

dc.creatorDornfeld, Hugo Carlos
dc.date.accessioned2016-06-02T19:51:26Z
dc.date.available2007-04-04
dc.date.available2016-06-02T19:51:26Z
dc.date.issued2007-02-14
dc.identifier.citationDORNFELD, Hugo Carlos. A padronização e classificação de fruta como ferramenta de gestão : um estudo na comercialização de pêssego e nectarina.. 2007. 127 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Exatas e da Terra) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2007.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/3519
dc.description.abstractThe objective of this dissertation is to evaluate the use of standardization and classification rules, suggested by the CEAGESP, by peach and nectarine producers and wholesalers and identify the effects of this procedure in the supplying and commercialization of the mentioned fruits. The methodology used was the qualitative study and the study case, where the procedure adopted for the information survey was the interviews with producers from two cities of the São Paulo state and with the wholesalers of the Entreposto Terminal de São Paulo (ETSP). Differences were found among the producers from Guapiara and Paranapanema, which the first region is formed of simpler producers without access of information or any kind of technology. Most producers of the second region are optimist about the use of standardization and classification rules and emphasizes that its use is the reason of the peach and nectarine commercialization success, by this, they invest in the improvement of fruit quality by updating, when possible, the technologies used in the production and post-harvest processes. This way, the use of standardization and classification rules helps and provides more benefits than disadvantages to those producers that adopt it. In relation to the wholesalers, it was identified the preference and valorization of classified peach and nectarine, although these agents says that the market does not yet recognize the proper benefits of the use of standardization and classification rules. The conclusion of this dissertation is that use of standardization and classification rules suggested by the CEAGESP works as a tool to help the management of peach and nectarine commercialization processeng
dc.description.sponsorshipFinanciadora de Estudos e Projetos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectFrutas - cultivopor
dc.subjectNormaspor
dc.subjectClassificaçãopor
dc.subjectClassificationeng
dc.subjectCommercializationeng
dc.subjectPeacheng
dc.subjectNectarineeng
dc.subjectRural producerseng
dc.subjectWholesaler marketeng
dc.titleA padronização e classificação de fruta como ferramenta de gestão : um estudo na comercialização de pêssego e nectarina.por
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Nantes, José Flávio Diniz
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1900976112613026por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3803942037472361por
dc.description.resumoO objetivo do trabalho consiste em avaliar a utilização da norma de classificação proposta pela CEAGESP, pelos produtores e atacadistas de pêssego e nectarina e identificar os efeitos deste procedimento no abastecimento e comercialização destas frutas. A metodologia utilizada foi a pesquisa qualitativa e o estudo de caso, sendo o procedimento adotado para o levantamento das informações as entrevistas com os produtores rurais de dois municípios do Estado de São Paulo e os atacadistas do Entreposto Terminal de São Paulo (ETSP). Verificaram-se diferenças entre os produtores de Guapiara e Paranapanema, sendo que a primeira região é formada por produtores mais simples, sem acesso às informações e a qualquer tipo de tecnologia. Enquanto que a maioria dos produtores da segunda região é mais otimista quanto ao uso da classificação e ressaltam que ela é o motivo do sucesso da comercialização do pêssego e da nectarina, sendo assim, investem na melhoria da qualidade das frutas, atualizando sempre que possível as tecnologias utilizadas na produção e na pós-colheita. Dessa forma, a classificação auxilia e gera mais benefícios do que desvantagens àqueles produtores que a utilizam. Em relação aos atacadistas, identificou-se a preferência e valorização do pêssego e nectarina classificadas, devido ao fato destas serem mais rentáveis, porém, estes agentes relatam que o mercado ainda não reconhece devidamente os benefícios da classificação. Conclui-se que a utilização da norma proposta pela CEAGESP funciona como uma ferramenta auxiliar na gestão do processo de comercialização do pêssego e da nectarinapor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Engenharia de Produçãopor
dc.subject.cnpqENGENHARIAS::ENGENHARIA DE PRODUCAOpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record