Show simple item record

dc.creatorDaolio, Cristina
dc.date.accessioned2016-06-02T20:34:06Z
dc.date.available2009-10-09
dc.date.available2016-06-02T20:34:06Z
dc.date.issued2006-08-01
dc.identifier.citationDAOLIO, Cristina. Application of nuclear magnetic resonance techniques and multivariate methods to evaluate phytotherapic medicines.. 2006. 162 f. Tese (Doutorado em Ciências Exatas e da Terra) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2006.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/6087
dc.description.abstractThe use of herbal medicines in the Brazilian market has increased in the last few decades. Therefore, the quality control for herbal products, as well as traditional medicines, is extremely important and for both: the manufactured products and the raw material. However, to guarantee the product s quality implies in an increase of the process costs in an industry. Currently, the quality of herbal extracts is predicted by analysis of selected marker compounds, which are often characteristic chemicals of a specific herb, but that many times do not present any relation with bioactivity. As a consequence, the marker-based approach is an incomplete and unsatisfactory method for quality control of herbal medicines In order to cope with this problem, current developments in improving sensitivity and analytical capacity of known techniques, had made possible the plant s complex extract evaluation. The present work describes an analytical methodology for the phytomedicines catuaba, espinheira-santa and guaco, based on the metabolic profile approach, where the Nuclear Magnetic Resonance techniques, as well as the High Performance Liquid Chromatography, are employed to obtain a fingerprinting of these herbal medicines. Nevertheless, due to the complex spectral data profile (1H spectra and chromatograms) evaluation it was necessary to employ chemometrics. These multivariate methods made possible to extract some relevant information and to prove the authenticity of the analyzed commercial samples. The commercial catuaba samples analysis by HR-MAS NMR/ chemometrics showed be more efficient, when compared with liquid NMR, indicating that the species sold as the phytomedicine catuaba is Trichillia catigua. Whereas, the results obtained for espinheira-santa showed an opposite situation pointing out that the efficiency of the HR-MAS is correlated with the physiological constitution of the plant material analyzed. Beside NMR results, HPLC analysis showed that the majority of the espinheira-santa commercial samples do not employ Maytenus ilicifolia species. The guaco results obtained by both, NMR and HPLC techniques were inconclusive needing the use of a complementary technique. Therefore, the present work also describes the use of the High Performance Liquid Chromatography coupling with Abstract Tandem Mass Spectrometry, by means of SRM experiments, to evaluate some commercial guaco samples. This technique provides the detection of the coumarin 1,2-benzopyrone in all the analyzed samples, due to the SRM high sensitivity, thus certifying its authenticity. The results obtained by Nuclear Magnetic Resonance, High Performance Liquid Chromatography and chemometrics, proved to be valuable tools for the evaluation of complex phytomedicines matrix. In specific cases, where high sensitivity in the analytical method is required, Mass Spectrometry can be used as an additional technique.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectProdutos naturaispor
dc.subjectGuacopor
dc.subjectCatuabapor
dc.subjectEspinheira santapor
dc.subjectHR-MASpor
dc.subjectQuimiometriapor
dc.titleAplicação de técnicas espectrométricas, cromatográficas e quimiométricas na avaliação da autenticidade de plantas utilizadas como fitoterápicos.por
dc.title.alternativeApplication of nuclear magnetic resonance techniques and multivariate methods to evaluate phytotherapic medicines.eng
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Ferreira, Antonio Gilberto
dc.contributor.advisor1Latteshttp://genos.cnpq.br:12010/dwlattes/owa/prc_imp_cv_int?f_cod=K4721956Y6por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/0173677456119225por
dc.description.resumoA utilização dos fitoterápicos no mercado nacional tem se tornado crescente nas últimas décadas. Desse modo, o controle de qualidade para os produtos de origem vegetal, assim como para os medicamentos tradicionais, é de extrema importância; e não só para o produto tecnologicamente acabado, como também para sua matéria-prima. Contudo, garantir a qualidade de um produto implica em um aumento de custos para as indústrias. Atualmente, uma das maiores práticas para a padronização das ervas baseia-se na identificação de marcadores químicos, característicos para as espécies, mas que muitas vezes não apresentam qualquer relação com sua atividade biológica. Assim sendo, essa abordagem se mostra incompleta, ou muitas vezes, insatisfatória para o controle de qualidade desse tipo de medicamento. Para contornar esse problema recentes desenvolvimentos, principalmente no aumento da sensibilidade e na capacidade analítica das técnicas existentes, tornaram possível a avaliação de extratos de plantas complexos em sua totalidade. O presente trabalho descreve uma metodologia de análise para os fitofármacos catuaba, espinheira-santa e guaco, fundamentada na abordagem analítica conhecida como metabolic profile, onde a Ressonância Magnética Nuclear, assim como a Cromatografia Líquida de Alta Eficiência, são empregadas para a obtenção do fingerprinting desses fitomedicamentos. Entretanto, os dados gerados (espectros de 1H e cromatogramas) apresentaram um perfil muito complexo sendo então necessária a utilização da quimiometria para sua avaliação. O emprego de métodos multivariados possibilitou à extração de informações relevantes, assim como, a constatação da autenticidade das amostras comerciais analisadas. O emprego da RMN de HR-MAS, juntamente com a quimiometria, na análise de amostras comerciais de catuaba, se mostrou mais eficiente quando comparado a RMN de líquidos, indicando que a espécie mais comercializada como o fitofármaco é a Trichillia catigua. Entretanto, os resultados obtidos para a espinheira-santa foram contrários, evidenciando a limitação da HR-MAS no que diz respeito à constituição fisiológica do material analisado. Adicionalmente a RMN, a utilização da CLAE Resumo possibilitou verificar que a maioria das amostras comerciais de espinheira-santa não utiliza a espécie Maytenus ilicifolia em sua formulação. Já para o fitofármaco guaco os resultados obtidos, tanto com a RMN como com a CLAE, se mostraram contraditórios, sendo necessária a utilização de uma outra técnica analítica complementar. Assim sendo, o trabalho também descreve a utilização do acoplamento da CLAE com a Espectrometria de Massas Tandem, através dos experimentos de SRM, na avaliação de extratos de amostras comerciais de guaco. O emprego dessa técnica permitiu a detecção da cumarina 1,2-benzopirona em todas as amostras analisadas, devido à sua elevada sensibilidade, atestando assim suas autenticidades. Portanto, através dos resultados obtidos no desenvolvimento deste trabalho, pôde-se concluir que a Ressonância Magnética Nuclear, assim como a CLAE, aliada a Quimiometria, apresentam um grande potencial em estudos que visam a avaliação de matrizes complexas, como os medicamentos fitoterápicos. Em casos específicos, onde uma maior sensibilidade no método analítico se faz necessária, a Espectrometria de Massas pode ser empregada de forma complementar.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Químicapor
dc.subject.cnpqCIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record