Show simple item record

dc.creatorDamada, Pedro Henrique
dc.date.accessioned2019-08-09T19:53:07Z
dc.date.available2019-08-09T19:53:07Z
dc.date.issued2019-03-22
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/11683
dc.description.abstractCancer is one of the deadliest diseases in the world. Its treatment includes surgical, chemotherapeutic and radiotherapeutic methods, which, although efficient, are expensive, long and can have several side effects to the patient. In order to seek new methodologies, immunotherapy, a treatment based on stimulation of the immune system to control cancer, has been one of the most interesting. One of the most used immunotherapeutic methods for this purpose is based on the use of monoclonal antibodies (mAbs), high specificity glycoproteins that are gaining space and arousing interest due to the positive results have already obtained for different diseases, such as multiple sclerosis and breast cancer. The objective of this work was to optimize the culture of PC-61 hybridomas in spinner flask for the production of the anti-CD25 mAb, with serum free commercial medium (SFM) and with RPMI medium supplemented with fetal bovine serum (FBS), used as control. Two modes of operation were used: batch and fed batch, in order to compare the results and propose a better methodology of cultivation. In addition, the purification of the antibodies was done using the techniques of ion exchange chromatography and immunoprecipitation with protein G in Sepharose. As a result, by batch culture, it was possible to identify the behavior of the cells and to stipulate the best conditions to carry out batch culture. Thus, it was possible to prolong the pre-stationary phase of the culture where a higher production of monoclonal antibody was observed. The SFM medium presented the best results compared to RPMI (with FBS) in batch culture, it was found that the production of mAbs in SFM was 3 times higher than in RPMI (with FBS). Furthermore, through these cultures, cells have been noted to direct their metabolism to produce the antibody when the nutrient level in the culture medium is reduced, and stress conditions (without causing cell death) can lead to increased production of antibody. In relation to purification, the immunoprecipitation technique with G protein proved to be very efficient, mainly for the separation of the antibodies present in the supernatant of the SFM culture, which has low protein content. Therefore, the use of the SFM medium is a great alternative to the culture media supplemented with FBS, since, in certain conditions, it allows the obtaining of larger amounts of antibody, and ensures greater ease in the application of purification techniques, reducing production costs.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)por
dc.language.isoporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rights.uriAcesso abertopor
dc.subjectImunoterapiapor
dc.subjectAnticorpo monoclonal anti-CD25por
dc.subjectSoro fetal bovinopor
dc.subjectImmunotherapyeng
dc.subjectAnti-CD25 monoclonal antibodyeng
dc.subjectFetal bovine serumeng
dc.titleObtenção de anticorpo monoclonal murino anti-cd25 através do cultivo do hibridoma pc-61 em biorreatores spinner em meio livre de soropor
dc.title.alternativeObtaining anti-CD25 murine monoclonal antibody through the cultivation of PC-61 hybridoma in spinner bioreactors in serum free mediumeng
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Anibal, Fernanda de Freitas
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4918261968772806por
dc.contributor.advisor-co1Suazo, Cláudio Alberto Torres
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9591447226240450por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/0873656684206368por
dc.description.resumoO câncer é uma das doenças que mais causa mortes no mundo, para seu tratamento se destacam, métodos cirúrgicos, quimioterapêuticos e radioterapêuticos, os quais, nem sempre são eficientes, são de alto custo, de longa duração e podem trazer diversos efeitos adversos ao paciente. Com o intuito buscar novas metodologias, a imunoterapia, tratamento baseado na estimulação do sistema imune para o controle do câncer, tem sido uma das mais interessantes. Um dos métodos imunoterapêuticos mais utilizados é o uso anticorpos monoclonais (mAbs), que são glicoproteínas de alta especificidade, a qual já apresenta resultados positivos para doenças como esclerose múltipla e câncer de mama. Este trabalho teve como objetivo a otimização do cultivo de hibridomas PC-61 em biorreator do tipo spinner para a produção do mAb anti-CD25, com meio comercial livre de soro (SFM - Serum Free Medium) e com meio RPMI, suplementado com soro fetal bovino (SFB), utilizado como controle. Foram utilizados dois modos de operação: batelada e batelada alimentada, a fim de se comparar e propor uma melhor metodologia de cultivo. Além disso, foi feito a purificação desses anticorpos utilizando as técnicas de cromatografia de troca iônica e imunoprecipitação com proteína G em Sepharose. Como resultado, por meio do cultivo em batelada foi possível identificar o comportamento das células e estipular as melhores condições para realizar o cultivo em batelada alimentada. E assim, foi possível prolongar a fase pré-estacionária do cultivo onde observou-se maior produção de anticorpo monoclonal. O meio SFM apresentou os melhores resultados, em comparação ao RPMI (com SFB), no cultivo em batelada, e verificou-se que a produção de mAbs no SFM, foi 3 vezes maior do que no RPMI (com SFB). Além disso, através destes cultivos, notou-se que as células direcionam o seu metabolismo para produzir o anticorpo quando o nível de nutrientes no meio de cultivo é reduzido, e condições de estresse (sem ocasionar a morte celular) podem levar a uma produção maior de anticorpo. Quanto à purificação, a técnica de imunoprecipitação com proteína G se mostrou bastante eficiente, principalmente para a separação dos anticorpos presentes no sobrenadante do cultivo com SFM, que possui baixo teor proteico. Portanto, a utilização do meio SFM é uma ótima alternativa em comparação aos meios de cultivo suplementados com SBF, uma vez que, em determinada condição, permite a obtenção de maiores quantidades de anticorpo, e garante maior facilidade na aplicação de técnicas de purificação, diminuindo os custos da produção.por
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Biotecnologia - PPGBiotecpor
dc.subject.cnpqCIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIApor
dc.subject.cnpqENGENHARIAS::ENGENHARIA QUIMICApor
dc.description.sponsorshipIdCAPES: 1817237por
dc.ufscar.embargo12 meses após a data da defesapor
dc.publisher.addressCâmpus São Carlospor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record