Show simple item record

dc.creatorLopes, André Guelli
dc.date.accessioned2016-06-02T19:22:10Z
dc.date.available2014-02-25
dc.date.available2016-06-02T19:22:10Z
dc.date.issued2014-01-28
dc.identifier.citationLOPES, André Guelli. Efeitos da temperatura e do estado metabólico sobre a função cardíaca do jacaré-de-papo-amarelo (Caiman latirostris). 2014. 98 f. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2014.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/1253
dc.description.abstractPhenomena as feeding and thermoregulation can challenge both the cardiac output and heart rate (fH). Postprandial changes in many physiological patterns are typically recorded for ectotherms, although predominantly studied in snakes. Furthermore, thermoregulation is a critical process to ensure different survival and reproduction strategies from reptiles. Ventricular preparations in vitro were used to investigate the inotropic plasticity at 30 ºC and 25 ºC and during fasting (30 days fasting group) and after feeding (2 days digesting group). No significant differences were verified in the relative ventricular mass (RVM) after feeding. The peak tension (Fc) was significantly higher and rates (dFc/dt) of contraction (TC) and relaxation (TR) were faster at 25° C than at 30° C for both experimental groups. However, feeding caused significant increase in peak tension (PT) at both temperatures (396.7 % at 30 ºC and 416.7 % at 25 ºC). A significant post-rest potentiation was recorded for digesting group at 25 ºC (121.0 ± 6.4 %), which was inhibited by ryanodine (86.0 ± 2.9 %). At 30 ºC, myocytes from fasting group were able to support higher frequencies (up to 1.6 Hz) than at 25 ºC (up to 1.0 Hz), even with the sarcoplasmic reticulum (SR) blocked by 10 μM ryanodine (RYA). Data from digestion group showed greater values of the Fc and reached higher frequencies than fasting group, at both temperatures. However, pre-treatment with RYA decreased PT in frequencies between 1.4 and 1.8 Hz for digesting group at 30 ºC. Sarcolemma mechanisms were more representative in the fasting group at 25 ºC, but the SR must contribute to increased speed of contractility under those conditions. During SDA, the SR seem representative at 25 ºC, however the positive inotropic effect caused by SDA enlarged sarcolemma mechanisms representativeness. The SR significance at 30 °C seems critical during high frequencies. At this temperature, the SDA increases the contractility efficiency, even with the RS blocked, despite the relaxation and Fc development at high frequencies been present impaired. Our results indicate that Caiman latirostris myocytes show large inotropic plasticity at different temperatures, frequencies and metabolic states.eng
dc.description.sponsorshipFinanciadora de Estudos e Projetos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectCoraçãopor
dc.subjectCaiman latirostrispor
dc.subjectContratilidadepor
dc.subjectTemperaturapor
dc.subjectAção dinâmica específicapor
dc.subjectRetículo sarcoplasmáticopor
dc.subjectCaiman latirostriseng
dc.subjectSarcoplasmic Reticulumeng
dc.subjectPeak Tensioneng
dc.subjectSpecific dynamic action-SDAeng
dc.subjectTemperatureeng
dc.titleEfeitos da temperatura e do estado metabólico sobre a função cardíaca do jacaré-de-papo-amarelo (Caiman latirostris)por
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Kalinin, Ana Lúcia
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5493936744279888por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7831989297659041por
dc.description.resumoA digestão e a termorregulação são processos que podem desafiar tanto o débito quanto a frequência cardíaca (fH). Alterações pós-prandiais em diferentes padrões fisiológicos são comumente identificadas para ectotérmicos, embora sejam predominantemente estudados em serpentes. Além disso, a termorregulação é um processo crítico para garantir diferentes estratégias de sobrevivência e reprodução nos répteis. Preparações ventriculares in vitro foram utilizadas para investigar a plasticidade inotrópica dos miócitos ventriculares do Caiman latirostris a 25 e 30 °C, durante o período pós- absortivo (30 dias - após a alimentação) e após a alimentação (2 dias - grupo digestão). A massa ventricular relativa (MVR) após 2 dias da alimentação não apresentou diferenças significativas em relação ao grupo pós-absortivo. A força de contração (Fc) foi significativamente maior e as taxas (dFc/dt) de contração (TC) e relaxamento (TR) foram mais rápidas a 25 °C do que a 30 °C, para ambos os grupos experimentais. No entanto, a alimentação causou aumento significativo na força de contração (Fc) em ambas as temperaturas (316.7% a 30 °C e a 296.7% 25 °C). Uma significativa potenciação pós-pausa foi identificada no grupo digestão a 25 °C (121.0 ± 6.4 %), que foi inibida pela rianodina (86.0 ± 2.9 %). No grupo pós-absortivo a 30 °C, os miócitos foram capazes de suportar frequências de estimulação superiores (até 1.6 Hz) às suportadas a 25 °C (até 1.0 Hz), mesmo com a função do retículo sarcoplasmático (RS) bloqueada pela adição de 10 μM de rianodina (RYA). As preparações ventriculares do grupo digestão apresentaram valores maiores de Fc e alcançaram frequências superiores do que o grupo pós-absortivo, em ambas as temperaturas. Contudo, o pré-tratamento com RYA reduziu a Fc em frequências entre 1,4 e 1,8Hz no grupo digestão a 30 °C. Os mecanismos sarcolemais são mais representativos no grupo pós-absortivo a 25 °C, porém o RS pode contribuir com o aumento da velocidade da contratilidade nessas condições. Durante a SDA, o RS parece representativo nessa condição de temperatura, porém a SDA causou efeito inotrópico positivo e ampliou a representatividade dos mecanismos sarcolemais. A importância do RS a 30 °C parece crítica apenas em altas frequências de estimulação. Nessa temperatura, a SDA garante a eficiência da contratilidade mesmo com o RS bloqueado, apesar do prejuízo significativo no desenvolvimento da Fc e do relaxamento em altas frequências. Nossos resultados indicam que os miócitos ventriculares do Caiman latirostris apresentam ampla plasticidade inotrópica, capaz de assegurar o débito cardíaco em diferentes temperaturas, frequências e estados metabólicos.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma Interinstitucional de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas - PIPGCFpor
dc.subject.cnpqCIENCIAS BIOLOGICAS::FISIOLOGIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record