Mostrar registro simples

dc.creatorPozza, Didier David
dc.date.accessioned2016-06-02T19:31:47Z
dc.date.available2004-08-15
dc.date.available2016-06-02T19:31:47Z
dc.date.issued2002-02-26
dc.identifier.citationPOZZA, Didier David. Composição da avifauna da Estação Ecológica de São Carlos (Brotas-SP) e reserva ambiental da Fazenda Santa Cecília (Patrocinio Paulista).. 2002. 103 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2002.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/1968
dc.description.abstractA quali-quantitative survey was carried out in two seasonal semideciduous forest fragments (75 and 100 ha) of interior of São Paulo state. The purpose was to characterize their bird communities concerning richness, abundance and species occurrence in these areas. The qualitative survey showed 145 species at Estação Ecológica de São Carlos-EESCar (Brotas) and 173 at Fazenda Santa Cecília-FSC (Patrocínio Paulista), whereas the quantitative survey revealed the presence of 60 and 72 species at EESCar and FSC, respectively. Only 4,14% of species in EESCar e 20,24% in FSC had specific frequency of occurrence over 75%. Analysing the abundance index values (IPA), we observed that number of species with low IPA was high at EESCar and at FSC. The small size and the isolation at EESCar might be responsible for its low species number IPA. In the FSC was also observed a bigger occurrence of endangered species for São Paulo state. The analysis of guildes is important to indicate the ecological conditions of one fragment. Apparently, the fragment at FSC has a better environmental quality to shelter more species, including the endangered. The study of this bird community is important for the elaboration of the conservation management plan of the natural areas.eng
dc.description.sponsorshipFinanciadora de Estudos e Projetos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectAvespor
dc.subjectComunidade de avespor
dc.subjectFloresta estacionalpor
dc.subjectSemidecíduapor
dc.titleComposição da avifauna da Estação Ecológica de São Carlos (Brotas-SP) e reserva ambiental da Fazenda Santa Cecília (Patrocinio Paulista).por
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Pires, José Salatiel Rodrigues
dc.description.resumoO levantamento quali-quantitativo foi realizado em dois fragmentos de floresta estacional semidecídua do interior do Estado de São Paulo. O objetivo foi caracterizar a comunidade de aves em relação à riqueza, abundância e freqüência de ocorrência nesses fragmentos. O levantamento qualitativo mostrou 145 espécies para a Estação Ecológica de São Carlos-EESCar (Brotas) e 173 para a Fazenda Santa Cecília-FSC (Patrocino Paulista), enquanto o levantamento quantitativo revelou 60 espécies para a EESCar e 72 para a FSC. Somente 4,14% das espécies da EESCar e 20,24% da FSC tiveram freqüência de ocorrência acima de 75%. Analisando o índice pontual de abundância (IPA), observamos que o número de espécies com baixo IPA foi alto tanto na EESCar quanto na FSC. O tamanho pequeno e o isolamento da EESCar podem ser responsáveis pelo baixo número de espécies encontradas. Na FSC observamos também, a maior ocorrência de espécies ameaçadas para o Estado de São Paulo. A análise de guildas é importante para indicar as condições ecológicas de um fragmento. Aparentemente, o fragmento da FSC tem melhor qualidade ambiental para abrigar mais espécies, inclusive as ameaçadas. O estudo das comunidades de aves é importante para a elaboração do plano de manejo e conservação das áreas naturais.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Ecologia e Recursos Naturaispor
dc.subject.cnpqCIENCIAS BIOLOGICASpor


Arquivos deste item

Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples