Show simple item record

dc.creatorFerreira Neto, Maressa
dc.date.accessioned2016-06-02T20:21:20Z
dc.date.available2009-06-16
dc.date.available2016-06-02T20:21:20Z
dc.date.issued2008-08-25
dc.identifier.citationFERREIRA NETO, Maressa. Análise citogenética em algumas espécies de peixes em uma região de divisor de águas entre riachos de bacias hidrográficas distintas. 2008. 115 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2008.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/5449
dc.description.abstractCytogenetics studies in headwaters fishes have contributed significantly to the citotaxonomy and cytossistematic of these organisms. However, little is known about this diversity in the vast majority of river basins, especially among populations of adjacent basin headwaters, as it occurs in the Corumbataí area of environmental protection (Área de Proteção Ambiental APA Corumbataí), São Carlos city, São Paulo state. This way, an attempt was made to perform a comparative karyotypic analysis among the populations of many fishes of the Feijão upstream, tributary of Jacaré-Guaçu river, Tietê basin, and the Pântano upstream, tributary of Mogi-Guaçu basin, associating the cytogenetic data with the evolutionary aspects and the dispersal of the species in the region. Were studied species belongs of five Pisces families: Characidae (Astyanax altiparanae, Astyanax fasciatus, Moenkhausia sanctafilomenae); Curimatidae (Cyphocharax modestus); Prochilodontidae (Prochilodus lineatus); Cichlidae (Geophagus brasiliensis, Cichlasoma facetum); and, Gymnotidae (Gymnotus carapo, Eigenmannia sp.). The Geophagus brasiliensis, Gymnotus carapo and, Astyanax altiparanae species were characterized using basic and molecular cytogenetics tools aiming to verify the similarities and/or the chromosomal changes occurred between allopatric species, while in the others were observed inherent specific problems only in one population. A great similarity of the karyotypic macrostructure was observed between G. brasiliensis and Gymnotus carapo populations in both regions studied. However, in A. altiparanae specie differences were detected in the karyotypic formulae and in the number of 18S ribosomal sites. So, the data obtained to G. brasiliensis and G. carapo indicate that despite they are separated by waters divisors, occurred the maintenance of a very similar karyotypic macrostructure, possibly reflecting a karyotypic stability of this specie. However, in A. altiparanae specie we can observe a certain degree of evolutionary divergence between the analyzed populations, resulted of a flow gene restriction.eng
dc.description.sponsorshipUniversidade Federal de Sao Carlos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectCitogenética de peixespor
dc.subjectCromossomos Bpor
dc.subjectCitogenética - peixes neotropicaispor
dc.subjectPolimorfismopor
dc.titleAnálise citogenética em algumas espécies de peixes em uma região de divisor de águas entre riachos de bacias hidrográficas distintaspor
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Moreira Filho, Orlando
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3927076022470557por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/2970895500896024por
dc.description.resumoEstudos citogenéticos em peixes de rios de cabeceiras têm ontribuído significativamente com a citotaxonomia e citossistemática. Entretanto, pouco se conhece sobre essa diversidade na grande maioria das bacias hidrográficas, principalmente entre populações de cabeceiras de bacias adjacentes, proximamente situadas, como ocorre na área de proteção ambiental (APA) de Corumbataí, São Carlos - SP. Dessa forma, procurou-se realizar uma análise cariotípica comparativa entre populações de diversas espécies de peixes do ribeirão do Feijão, afluente do rio Jacaré-Guaçu, bacia do Médio Tietê, e do ribeirão do Pântano, bacia do rio Mogi-Guaçu, associando os dados citogenéticos com aspectos evolutivos e dispersão de espécies na região. Foram estudadas espécies pertencentes a 5 famílias: Characidae (Astyanax altiparanae, Astyanax fasciatus, Moenkhausia sanctafilomenae); Curimatidae (Cyphocharax modestus); Prochilodontidae (Prochilodus lineatus); Cichlidae (Geophagus brasiliensis, Cichlasoma facetum); e Gymnotidae (Gymnotus carapo, Eigenmannia sp.). As espécies Geophagus brasiliensis, Gymnotus carapo e Astyanax altiparanae foram caracterizadas através de técnicas citogenéticas básicas e moleculares com o objetivo de verificar as semelhanças e/ou possíveis alterações cromossômicas ocorridas entre as espécies que se encontram em alopatria, enquanto em todas as outras foram abordados problemas específicos inerentes a apenas uma população. Foi constatada uma grande similaridade para a macroestrutura cariotípica entre as populações de G. brasiliensis e Gymnotus carapo nas duas regiões estudadas. No entanto, na espécie A. altiparanae diferenças puderam ser detectadas na fórmula cariotípica e no número dos sítios ribossomais 18S encontrados. Dessa forma, os dados obtidos para G. brasiliensis e G. carapo indicam que, apesar destas populações estarem separadas por um divisor de águas, ocorre uma manutenção da macroestrutura cariotípica, possivelmente sendo reflexo da estabilidade cariotípica desta espécie. Já em A. altiparanae pode ser observado um certo grau de divergência evolutiva entre as populações analisadas, resultado da restrição ao fluxo gênico.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Genética Evolutiva e Biologia Molecular - PPGGEvpor
dc.subject.cnpqCIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record