Show simple item record

dc.creatorNascimento, Marcio Luis Ferreira
dc.date.accessioned2016-06-02T19:09:56Z
dc.date.available2007-08-20
dc.date.available2016-06-02T19:09:56Z
dc.date.issued2004-12-10
dc.identifier.citationNASCIMENTO, Marcio Luis Ferreira. Current problems in nucleation, crystal growth and diffusion in glasses.. 2004. 415 f. Tese (Doutorado em Ciências Exatas e da Terra) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2004.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/641
dc.description.sponsorshipFinanciadora de Estudos e Projetos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectVidropor
dc.subjectCristais - crescimentopor
dc.subjectMecanismos - crescimentopor
dc.subjectViscosidadepor
dc.subjectDifusãopor
dc.titleProblemas correntes sobre nucleação, crescimento de cristais e difusão em vidros.por
dc.title.alternativeCurrent problems in nucleation, crystal growth and diffusion in glasses.eng
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Zanotto, Edgar Dutra
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1055167132036400por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=B092707por
dc.description.resumoEstudos sistemáticos foram realizados a partir dos mecanismos clássicos de crescimento de cristais em vidros e das taxas de crescimento experimentais em extensos intervalos de temperaturas em 27 sistemas à base de silicatos, boratos e 2 GeO , além de três polímeros de cadeias aromáticas. Testes comparativos da viscosidade foram realizados entre as expressões de Vogel-Fulcher-Tammann (VFT) e de Avramov. Um resultado particular envolvendo as taxas de nucleação, I , e crescimento, u , experimentais da forma 2 1 G T u I ∆ × / / ln foi obtido em cinco sistemas silicatos, resultando em uma constatação da invalidade da relação de Stokes-Einstein / Eyring. Um outro resultado mostrou que a taxa de crescimento de cristais max u decresce com o aumento da temperatura de transição vítrea reduzida, gr T , em 20 sistemas silicatos e 9 boratos. O uso da viscosidade como medida do coeficiente de difusão efetivo das unidades estruturais migrantes na interface líquido-cristal a partir da relação de Stokes-Einstein / Eyring mostrou-se eficiente apenas em altas temperaturas. Uma proposta inédita foi a obtenção de um coeficiente de difusão efetivo u D a partir de dados de taxa de crescimento de cristais. Comparações foram efetuadas entre u D e os poucos coeficientes de autodifusão / interdifusão de elementos disponíveis. Estas comparações indicam que as unidades estruturais que participam do transporte via interface líquido-cristal e também por fluxo viscoso correspondem aos elementos formadores da rede, como o silício e o oxigênio. Pela primeira vez foram apresentados sistemas silicatos e boratos sob a classificação forte versus fraco elaborada por Angell. Por fim, foram apresentadas evidências do desacoplamento entre difusão e viscosidade em alguns sistemas vítreos. Estes estudos suportam a idéia de que não há uma temperatura de desacoplamento g d T T 2 1, = fixa, conforme propostas recentes, e sim variável, dependendo do caráter forte / fraco do sistema.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Ciência e Engenharia de Materiaispor
dc.subject.cnpqENGENHARIAS::ENGENHARIA DE MATERIAIS E METALURGICApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record