Show simple item record

dc.creatorPinheiro, Luís Antonio
dc.date.accessioned2016-06-02T19:09:58Z
dc.date.available2007-05-09
dc.date.available2016-06-02T19:09:58Z
dc.date.issued2006-09-01
dc.identifier.citationPINHEIRO, Luís Antonio. Real time monitoring of morphology on extrusion of the polypropylene/ nylon 6 polymeric blend.. 2006. 205 f. Tese (Doutorado em Ciências Exatas e da Terra) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2006.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/648
dc.description.abstractThe aim of this work is to assess in real time the morphological parameters of polypropylene and polyamide 6 blends during the extrusion process. An optical detector based on the visible light transmitted and extinction principle was assembled in a slit die located at the exit of a twin screw extruder in order to get the changes in the polyamide 6 particle concentration and size. The influence of particle size and concentration was first verified during bench calibration, where it was observed that the light extinction was greater the higher the concentration and the lower the particle size. In the case of mixtures an additional relation concerned to changes in size and density was verified. It was also stated that the detector records the ponderal average size of a set of particles. During extrusion experiments, the analyses were performed in the steady and transient state. In both cases it was verified that normalized signal intensity increases with increasing particle concentration and decreasing the dispersed phase size. Infrared analysis and images obtained from scanning electron microscopy confirmed these results. The correlation between dispersed phase concentration and size with the detector s normalized signal was established through the elaboration of regression equations. The plot of normalized signal as a function of the dispersed phase concentration and size enabled the calculation of the extinction cross section values for the PP/ PA6 blend.eng
dc.description.sponsorshipUniversidade Federal de Sao Carlos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectPolímerospor
dc.subjectProcesso de extrusãopor
dc.subjectBlendas poliméricaspor
dc.subjectMorfologiapor
dc.subjectCalibraçãopor
dc.titleMonitoramento em tempo real da morfologia na extrusão da blenda polimérica polipropileno/ nylon 6.por
dc.title.alternativeReal time monitoring of morphology on extrusion of the polypropylene/ nylon 6 polymeric blend.eng
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Canevarolo Júnior, Sebastião Vicente
dc.contributor.advisor1Latteshttp://genos.cnpq.br:12010/dwlattes/owa/prc_imp_cv_int?f_cod=K4781975Z6por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3497307186044440por
dc.description.resumoNeste trabalho se buscou avaliar parâmetros morfológicos de blendas de polipropileno e poliamida 6 em tempo real durante o processo de extrusão. Um detector ótico, baseado no princípio da extinção da luz visível transmitida, foi acoplado na matriz da extrusora para captação do sinal referente a variações na concentração e tamanho de fase de poliamida 6. A influência da concentração e tamanho de partícula foi primeiramente determinada por calibrações em bancada, onde se verificou que a extinção da radiação luminosa era maior tanto maior a concentração e menor o tamanho de partícula. No caso de misturas de partículas verificou-se uma relação de aditividade quanto à variação de tamanho e densidade, e constatou-se que o detector registra o valor referente ao tamanho médio ponderal das partículas. As análises durante o processo de extrusão foram feitas em modo transiente e estacionário. Em ambos os modos foi verificado que a intensidade do sinal normalizado aumenta com o aumento na concentração e com a diminuição do tamanho da fase de poliamida 6 dispersa. Análises de espectroscopia no infravermelho e de imagens obtidas por microscopia eletrônica de varredura confirmaram os resultados obtidos pelo detector. A correlação entre concentração e tamanho de fase dispersa foi estabelecida através da elaboração de equações de regressão. Os gráficos do sinal normalizado em função da concentração e do tamanho de fase possibilitaram o cálculo da seção transversal de extinção, variável relacionada com a probabilidade de interação da radiação com as partículas espalhadoras do meio.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais - PPGCEMpor
dc.subject.cnpqENGENHARIAS::ENGENHARIA QUIMICA::TECNOLOGIA QUIMICA::POLIMEROSpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record