Mostrar registro simples

dc.creatorLizarelli, Fabiane Letícia
dc.date.accessioned2016-06-02T19:50:22Z
dc.date.available2014-02-12
dc.date.available2016-06-02T19:50:22Z
dc.date.issued2013-11-20
dc.identifier.citationLIZARELLI, Fabiane Letícia. Relações entre melhoria contínua e inovação de produtos e processos: estudo de múltiplos casos. 2013. 225 f. Tese (Doutorado em Ciências Exatas e da Terra) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2013.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/3433
dc.description.abstractContinuous Improvement (CI) and Innovation are important approaches to generate competitive advantage for organizations. These approaches need to be properly managed in order to ensure long-term results, and must be also aligned to the company's competitive strategies. Despite being seen as complementary approaches, they are often managed in completely independent ways. The literature shows the need for coexistence of CI and Innovation, especially in studies on continuous innovation and organizational ambidexterity. There is also a theoretical support that CI and Innovation should be aligned and have a collaborative role. However, there is a theoretical gap on the relationship between these two themes, is necessary to know what enables integration between Continuous Improvement and Innovation in organizations. Based on exploratory and systematic literature review, we identified the main relationships between CI and Innovation, six of them were studied. Were also identified practices and mechanisms that facilitate the existence of relationships in the company. Practices are dependent on interaction and collaboration between between people connected to CI and Innovation, therefore, were also identified integration mechanisms, related to organizational culture, knowledge management and organizational structure. A multiple case study was conducted. The chosen companies belong to different sectors and have Innovation and Continuous Improvement well developed. It was possible to identify at which level the six relationships are present in different companies. It was possible to identify which practices are more related to the high presence of relationships, and point integration mechanisms used for each relationship.eng
dc.description.sponsorshipUniversidade Federal de Sao Carlos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectMelhoria contínuapor
dc.subjectInovação de produtospor
dc.subjectEstudo de casopor
dc.subjectIntegraçãopor
dc.subjectColaboraçãopor
dc.subjectPráticaspor
dc.subjectIntegraçãopor
dc.subjectContinuous improvementeng
dc.subjectInnovationeng
dc.subjectPracticeseng
dc.subjectIntegrationeng
dc.titleRelações entre melhoria contínua e inovação de produtos e processos: estudo de múltiplos casospor
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Toledo, José Carlos de
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9421627326330417por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/4525431419326559por
dc.description.resumoA Melhoria Contínua (MC) e a Inovação de produtos e processos são diferenciais que geram vantagem competitiva para as organizações, em relação aos concorrentes, seja em relação ao custo ou à diferenciação. Tanto a MC quanto a Inovação precisam ser gerenciadas de forma a assegurar no longo prazo, os resultados desejados. Apesar de vistas como complementares para os resultados da organização, muitas vezes são gerenciadas de formas completamente independentes. Na literatura são observadas afirmações recorrentes sobre a necessidade de coexistência da MC e da Inovação, principalmente em estudos sobre ambidesteridade organizacional e inovação contínua. Há também um respaldo teórico de que a MC e a Inovação devam estar alinhadas e que possuam um papel colaborativo. Há, porém, uma lacuna teórica no que se refere a identificar quais são as relações, entre esses dois temas, existentes nas empresas, e o que possibilita que os projetos, ações e pessoas ligadas à MC e à Inovação estejam integrados. A partir da revisão bibliográfica exploratória e sistemática, foram identificadas as principais relações entre MC e Inovação, das quais seis foram estudadas nesta Tese. Também foram identificadas as práticas, cujas utilizações auxiliam na existência de cada uma dessas relações. A ocorrência das práticas nas empresas é dependente de interação e colaboração entre pessoas ligadas à MC e à Inovação, por esse motivo, também foram identificados mecanismos de integração, ligados a cultura organizacional, gestão do conhecimento e estrutura organizacional. Por meio de um estudo de múltiplos casos, em empresas de diferentes setores, com gestão da Inovação e programas de MC estruturados, foi possível identificar a presença das seis relações consideradas e o grau em que estão presentes nas diferentes empresas. Foi possível identificar também, quais práticas mais se relacionam com a alta presença das relações, consideradas as principais, e apontar os mecanismos de integração utilizados nas empresas para cada relação.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Engenharia de Produçãopor
dc.subject.cnpqENGENHARIAS::ENGENHARIA DE PRODUCAOpor


Arquivos deste item

Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples