Show simple item record

dc.creatorSantos, Silvana Lopes dos
dc.date.accessioned2016-06-02T19:51:27Z
dc.date.available2007-04-12
dc.date.available2016-06-02T19:51:27Z
dc.date.issued2007-02-27
dc.identifier.citationSANTOS, Silvana Lopes dos. Influência da propaganda nos hábitos alimentares : análise de conteúdo de comerciais de alimentos da televisão.. 2007. 165 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Exatas e da Terra) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2007.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/3522
dc.description.abstractFood advertising and it effect on the food choices has been the target of frequent debates, being attributed to a great part of the responsibility for the problems of bad feeding of the population. Such situation has led to government initiatives with the aim to discipline the food advertising, mainly those destined to children. These initiatives can have important consequences on the promotion strategies of the food sector. The present work had as main objective to investigate the frequency and content of the food commercials on television, considering the strategies adopted in relation to the characteristics of the message, the food, the consumer and the appeals, as well as the execution or not of ethical norms of advertising. Therefore, the programming of three open TV channels was recorded during the morning, afternoon and night at preestablished schedules and then used in the content analysis. The results pointed to the prevalence of food commercials in the morning mainly for children advertising mostly products rich in sugar and fat. It was verified that the messages are fundamentally affectionate, with emphasis on the flavor of the food and the pleasure with little reference to the nutritional aspects and health. Great part of the commercials also presented debatable elements regarding to the ethics. At the end of the work, considerations are made about the need of the analysis of the food choice in a wider context, considering the advertising just one of the influence variables. It is considered that only joint actions of the public and private sector are capable to aid in the promotion of healthier food habits.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectpropaganda de alimentospor
dc.subjectanálise de conteúdopor
dc.subjecthábitos alimentarespor
dc.subjectcomportamento do consumidorpor
dc.subjectfood advertisingeng
dc.subjectcontent analysiseng
dc.subjectfood habitseng
dc.subjectconsumer s behavioreng
dc.titleInfluência da propaganda nos hábitos alimentares : análise de conteúdo de comerciais de alimentos da televisão.por
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Batalha, Mario Otávio
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1015001063418091por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1643423784795201por
dc.description.resumoA propaganda de alimentos e sua influência nas escolhas alimentares tem sido alvo de discussões freqüentes, sendo atribuída a ela grande parte da responsabilidade pelos problemas de má alimentação da população. Tal situação tem levado a iniciativas governamentais que visam disciplinar as propagandas de alimentos, principalmente aquelas destinadas ao público infantil. Essas iniciativas podem trazer conseqüências importantes para as ações promocionais do setor alimentício. Este trabalho teve como principal objetivo investigar a freqüência e o conteúdo de comerciais de alimentos veiculados na televisão, considerando as estratégias adotadas em relação às características da mensagem, do alimento, do consumidor e dos apelos, bem como o cumprimento ou não de normas éticas da publicidade. Para tanto, foram gravadas as programações de três emissoras de canal aberto nos períodos da manhã, tarde e noite em horários pré-estabelecidos, sendo utilizado como método a análise de conteúdo. Os resultados apontaram a prevalência de comerciais de alimentos no período da manhã, voltados principalmente ao público infantil, sendo a maioria destes produtos ricos em açúcares e gorduras. Constatou-se que as mensagens são fundamentalmente afetivas, com ênfase no sabor dos alimentos e no prazer, havendo pouca referência aos aspectos nutricionais e de saúde.Grande parte dos comerciais também apresentou elementos discutíveis quanto à questão ética. Ao final do trabalho, são feitas considerações sobre a necessidade da análise da escolha alimentar dentro de um contexto mais amplo, sendo a propaganda apenas uma das variáveis de influência. Considera-se que somente ações conjuntas, de ordem pública e privada, são capazes de auxiliar na promoção de hábitos alimentares mais saudáveis.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Engenharia de Produçãopor
dc.subject.cnpqENGENHARIAS::ENGENHARIA DE PRODUCAOpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record