Show simple item record

dc.creatorLu, Yi Chieh
dc.date.accessioned2019-11-28T14:35:39Z
dc.date.available2019-11-28T14:35:39Z
dc.date.issued2019-08-22
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/12088
dc.description.abstractWith the advent of the Internet and the constant adaptation of the Web, the space of exchange of information with different interests and needs has been reshaping the way of research of individuals connected to the network, especially the way of producing information and knowledge in this space. Due to it, more and more discussions about Crowdsourcing are emerging as a way of producing new knowledge. It is a model of information production that provides for collective collaboration and takes advantage of the “wisdom of the crowd” to generate innovation. In this sense, the objective of this research is to investigate the extent to which Crowdsourcing is used as a resource for the production of knowledge and innovation for the field of research and action of Information Science, within the University Libraries, aiming to identify possibilities for approaching librarians with their internal and external community. As specific objectives, it is necessary to verify how much this model has been explored in the scope of the Integrated Library System of UFSCar, since it is understood that these Libraries are configured as indispensable equipment to optimize the production of knowledge and innovation. Methodologically, the work was based on the Systematic Review of Literature, developing bibliographic surveys in national databases - BRAPCI and BENANCIB, and international - LISTA and SOCUPUS (multidisciplinary) databases. The profile of the Brazilian researcher on crowdsourcing was also analyzed through the Lattes Platform, using Lattes Machines and VantagePoint tools. Direct observation was carried out on WebSites of University Libraries for identification and mapping of crowdsourcing practices. Finally, a Case Study of the UFSCar Community Library was conducted to identify potential applications of crowdsourcing, describing the proposed implementation of Starteca. The results reveal that there is a lack of knowledge about crowdsourcing in the field of research and practice in Information Science, especially in the scope of Brazilian university libraries, which is a common practice abroad in public libraries in general. It also revealed the change of position of the librarians in face of the community’s needs, who are no longer imprisoned only access and material physical support, promoting in these places an environment of collaboration and collective construction of solutions, and can be used also for crowdsourcing application in physical environment - Starteca, space to undertake - by the library. Therefore, it is concluded that crowdsourcing is an innovative resource for Information Science within the University Libraries, since it is possible to innovate its practices through the wisdom of the crowd, opening the doors and opportunities for the connected society to contribute, approaching the community and giving visibility to the library. At the same time, it is possible to be a tool to overcome the financial crises encountered today, becoming a creative and active way for the library to collaborate with its community. In this way, it is possible to boost products and services, since these are inputs to support the development of new knowledge and generation of innovation. However, prior to this, the library must adopt mechanisms to approach its users, welcoming them to be part of the space, becoming an equipment that fosters sharing, exchanges and problem solving together, their value to the community through active attitude.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)por
dc.language.isoporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectCrowdsourcingpor
dc.subjectCiência da Informaçãopor
dc.subjectBiblioteca Universitáriapor
dc.subjectInteligência Coletivapor
dc.subjectSabedoria da Multidãopor
dc.subjectInformation Scienceeng
dc.subjectLibrary Universityeng
dc.subjectCollective Intelligenceeng
dc.subjectWisdom of the Crowdeng
dc.titleCrowdsourcing: como a sabedoria das multidões pode interessar ao campo de pesquisa e ação da Ciência da Informaçãopor
dc.title.alternativeCrowdsourcing: how crowd wisdom can interest the Information Science research and action fieldeng
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Gracioso, Luciana de Souza
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4898201916360294por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/5240357347783495por
dc.description.resumoCom o advento da Internet e a constante adaptação da Web, o espaço de troca de informações com diferentes interesses e necessidades vem remodelando a cada dia o modo de pesquisa dos indivíduos conectados à rede, especialmente o modo de produção de informação e conhecimento nesse espaço. Com isso, surgem cada vez mais discussões sobre o Crowdsourcing como forma de produção de novos conhecimentos. Trata-se de um modelo de produção da informação que prevê a colaboração coletiva que aproveita a “sabedoria da multidão” para geração da inovação. Neste sentido, o objetivo desta pesquisa foi investigar em que medida o Crowdsourcing poderia ser utilizado como recurso de produção do conhecimento e da inovação para o campo de pesquisa e ação da Ciência da Informação, no âmbito das Bibliotecas Universitárias, visando identificar possibilidades de aproximação de bibliotecários com a sua comunidade interna e externa. Como objetivos específicos, almejou-se verificar o quanto este modelo tem sido explorado no âmbito do Sistema Integrado de Bibliotecas da UFSCar, uma vez que se entende que estas Bibliotecas se configuram como equipamento indispensável para otimizar a produção do conhecimento e da inovação. Metodologicamente, o trabalho utilizou-se da Revisão de Literatura, desenvolvendo levantamentos bibliográficos em bases de dados nacionais – BRAPCI e BENANCIB, e internacionais – LISTA e SOCUPUS (multidisciplinar). Analisou-se também o perfil do pesquisador brasileiro sobre crowdsourcing por meio da Plataforma Lattes, utilizando as ferramentas Lattes Machines e VantagePoint. Foi realizada observação direta em WebSites de Bibliotecas Universitárias para identificação e mapeamento de práticas de crowdsourcing. Por fim, foi realizado um Estudo de Caso parcial da Biblioteca Comunitária da UFSCar para identificar potenciais aplicações de crowdsourcing, descrevendo a proposta de implantação da Starteca. Os resultados revelam que há uma lacuna de conhecimento sobre crowdsourcing no campo de pesquisa e prática da Ciência da Informação, principalmente no âmbito das bibliotecas universitárias brasileiras, sendo este, uma prática comum no exterior em bibliotecas públicas em geral. Revelou-se também a mudança de postura dos bibliotecários frente às necessidades da comunidade, os quais não estão mais presos apenas ao acesso e ao suporte físico material, promovendo nestes locais um ambiente de colaboração e de construção coletiva de soluções, podendo ser utilizada também para aplicação de crowdsourcing em ambiente físico – Starteca, espaço de empreender – pela biblioteca. Portanto, conclui-se que crowdsourcing é um recurso inovador para a Ciência da Informação no âmbito das Bibliotecas Universitárias, uma vez que é possível inovar suas práticas por meio da sabedoria da multidão, abrindo as portas e oportunidades para que a sociedade conectada possa contribuir, aproximando a comunidade e dando visibilidade à biblioteca. Ao mesmo tempo, poderá ser uma ferramenta para superar as crises financeiras encontradas nos dias atuais, tornando-se uma maneira criativa e ativa de colaboração da biblioteca com a sua comunidade. Desta forma, pode-se potencializar produtos e serviços, visto que esses são insumos para apoiar o desenvolvimento de novos conhecimentos e geração da inovação. Entretanto, anterior a isto, a biblioteca deve adotar mecanismos de aproximação de seus usuários, acolhendo-os para fazer parte do espaço, tornando-se um equipamento que fomente o compartilhamento, as trocas e a resolução de problemas em conjunto, criando, assim, o seu valor à comunidade por meio de posturas ativas.por
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência da Informação - PPGCIpor
dc.subject.cnpqCIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO::BIBLIOTECONOMIApor
dc.subject.cnpqCIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAOpor
dc.description.sponsorshipIdCAPES: código de financiamento - 001por
dc.publisher.addressCâmpus São Carlospor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil