Show simple item record

dc.creatorAbreu, Maria das Graças dos Santos
dc.date.accessioned2016-06-02T19:38:52Z
dc.date.available2008-03-17
dc.date.available2016-06-02T19:38:52Z
dc.date.issued2008-01-24
dc.identifier.citationABREU, Maria das Graças dos Santos. Uma investigação sobre a prática pedagógica: refletindo sobre a investigação nas aulas de matemática. 2008. 193 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2008.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/2438
dc.description.abstractThis research, of qualitative approach, was done in State public schools and private ones of the city of Campinas SP. It is about a research of my own practice that seeks to comprehend the changes occurred in practice inside of an exploratoryinvestigative task accomplishment context during the Mathematics classes. These tasks are work proposals in which students explore an open situation, look for regularities, formulate problems, create conjectures, discuss and communicate written or orally their own conclusions. This study, that has a perspective towards to the researcher own professional practice, tries to analyze and comprehend how the professional process is performed in an environment of exploratory-investigative tasks and the interpretation of my own practice in a context of investigative classes. The investigation was guided by the question: What are the contributions that a work with exploratory-investigative tasks gives to the process of reflection of my own practice and to the transformation of some teaching and student knowledge? The required documentation to the study were constituted of: Written records of the students, gathered in different moments of my professional path; written records of the teacher-researcher, organized in a narrative form, that fulfill the purpose of a field diary; audio records of two work groups and of a socialization class of the results. The development of this work was divided in three parts: The first of them presents the methodology chosen for the development of the research, the data and a professional narrative of the teacher s professional background, since the period of an Elementary student, the Graduation, the first years of teaching and the come back to the University for the Master s Degree; The second part presents the theoretical references about teacher s development, teaching knowledge, teacher-researcher and teacher researcher of its own practice also presents an abstract that pursuits the differences and closeness between problem solving and the mathematical investigations; the third part presents the analyses of the gathered data and centered in three categories: (a) the guidance/interaction performed by the teacher; (b) student s acquired autonomy; and (c) the Mathematics class as an epistemological place of knowledge production. In the final part of this research we find the reflections produced by the teacher due to the narrative productions, from the performed studies and collected material analyzes. The results point to the importance of the teacher s research about its own practice that in this movement of investigation of his/her part inside the classroom, finds him/herself investigating his/her own world, searching him/herself, discovering him/herself, putting him/herself together with the students in order to reflect and review the already acquired knowledge, converting them into new knowledge and producing new knowledge to yourself and to other Mathematics teachers. It also presents the student s development regarding the investigation tasks, pointing out that this model of work offer opportunities for participating with an individual and group collection; autonomy to the creation and development of Mathematicseng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectMatemática ensinopor
dc.subjectFormação profissionalpor
dc.subjectPesquisa - prática profissionalpor
dc.titleUma investigação sobre a prática pedagógica: refletindo sobre a investigação nas aulas de matemáticapor
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Passos, Cármen Lúcia Brancaglion
dc.contributor.advisor1Latteshttp://genos.cnpq.br:12010/dwlattes/owa/prc_imp_cv_int?f_cod=K4798906Z2por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/6276753402517432por
dc.description.resumoEsta pesquisa, de abordagem qualitativa, foi realizada em escolas das redes pública estadual e particular da cidade de Campinas SP. Trata-se de uma pesquisa da própria prática que busca compreender as transformações ocorridas na prática num contexto de realização de tarefas exploratório-investigativas nas aulas de matemática. Estas tarefas são propostas de trabalho, em que os alunos exploram uma situação aberta, procuram regularidades, formulam problemas, criam conjecturas, argumentam e comunicam oralmente ou por escrito as suas conclusões. Este estudo, que tem o olhar voltado para a própria prática profissional da investigadora, visa analisar e compreender como se dá o processo de desenvolvimento profissional num ambiente de tarefas exploratório-investigativas e a interpretação da própria prática num contexto de aulas investigativas. A investigação orientou-se pela questão: Quais as contribuições que um trabalho com tarefas exploratório-investigativas traz para o processo de reflexão sobre a própria prática e para a transformação de alguns saberes docentes e discentes? A documentação necessária para o estudo foi constituída de: registros-escritos dos alunos, colhidos em diferentes momentos da trajetória profissional; registros escritos da professora-investigadora, colhidos em forma de narrativa, que serviram como diário de campo; registros em áudio de dois grupos de trabalho e de uma aula de socialização dos resultados. O desenvolvimento deste trabalho se deu em três partes: a primeira delas apresenta a metodologia escolhida para o desenvolvimento da pesquisa, os dados e uma narrativa da trajetória profissional da professora, desde o tempo de estudante, a graduação, os primeiros anos de docência e a volta à Universidade para o mestrado; a segunda parte apresenta os referenciais teóricos sobre formação de professores, saberes docentes, professor-pesquisador e professor pesquisador da própria prática, também apresenta uma síntese que busca as diferenças e aproximações entre a resolução de problemas e as investigações matemáticas, a terceira parte apresenta a análise dos dados coletados e centrados em três eixos: (a) mediação/interação realizada pela professora; (b) autonomia adquirida pelo aluno; e (c) a aula de matemática como um espaço epistemológico de produção de conhecimentos. Na parte final deste trabalho encontramos as reflexões produzidas pela professora decorrentes da produção das narrativas, dos estudos realizados e das análises do material coletado. Os resultados apontam para a importância da pesquisa do professor sobre a sua própria prática que neste movimento de investigar a sua atuação em sala de aula, acaba por investigar o seu próprio mundo, investigando-se, conhecendo-se, colocando-se junto com os alunos para assim poder refletir e rever os saberes já adquiridos transformando-os em novos saberes e produzindo novos conhecimentos para si e para outros professores de matemática. Também apresenta o desenvolvimento dos alunos em relação ao trabalho com as tarefas de investigação, apontando que este modelo de trabalho oferece oportunidade de participação individual e coletiva; autonomia para criação e desenvolvimento matemáticopor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Educaçãopor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record