Show simple item record

dc.creatorLopes, João Marcos de Almeida
dc.date.accessioned2016-06-02T20:12:21Z
dc.date.available2007-07-11
dc.date.available2016-06-02T20:12:21Z
dc.date.issued2006-04-01
dc.identifier.citationLOPES, João Marcos de Almeida. Em memória das mãos: o desencantamento da técnica na arquitetura e no urbanismo.. 2006. 351 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2006.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/4815
dc.description.abstractThe ideal ways of composition betwen matter and form establish opositions that contributes for a dualist conception of the world. The production of the Building and the City is, historicaly, deeply marked by this conception, organizing the technical activity in the practice of the architect and urbanist trade in diferent fields and, anytime, opposites: form & function, form & contents, theory & practice or even mesmo theory & technic. Through a fenomenology of the technics exercises and of the technics object existence way, I try to grasp some essenciality in the technics activity by itself. After this, reintroductioned the technics action and the technics objets in the world of life, trying to grasp how is the transformation of technic into technology, alleged how undelighted agency of the arguments in a technical racionality. Starting form its development in the history, I resume some technological conceptions wich is controling the architectural debate in the presents times and to them I stand against one conception of technical action non hilemorphic in the practice of the trade.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectEstrutura - matéria e forma (Filosofia)por
dc.subjectTecnologia e civilizaçãopor
dc.subjectHilemorfismopor
dc.subjectArquitetura e urbanismopor
dc.titleEm memória das mãos: o desencantamento da técnica na arquitetura e no urbanismo.por
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Ferraz Júnior, Bento Prado de Almeida
dc.contributor.advisor1Latteshttp://genos.cnpq.br:12010/dwlattes/owa/prc_imp_cv_int?f_cod=K4783166Y1por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=N180416por
dc.description.resumoOs modos ideais de composição entre matéria e forma estabelecem oposições que contribuem para uma concepção dualista de mundo. A produção do Edifício e da Cidade é, historicamente, marcada profundamente por esta concepção, organizando a atividade técnica na prática do ofício do arquiteto e urbanista em campos distintos e, por diversas vezes, opostos: forma & função, forma & conteúdo, canteiro & desenho, teoria & prática ou até mesmo teoria & técnica. Através de uma fenomenologia do exercício técnico e do modo de exitência dos objetos técnicos, procuro apreender alguma essencialidade na atividade técnica em si mesma. Posteriormente, reintroduzo a ação técnica e os objetos técnicos no cotidiano do mundo da vida, procurando compreender como se dá a transformação de técnica em tecnologia, pressuposta como agenciamento desencantado dos argumentos de uma racionalidade técnica. A partir de seu desenvolvimento na história, retomo algumas concepções tecnológicas que têm dominado o debate arquitetônico nos tempos presentes e a eles contraponho uma concepção não hilemorfista de ação técnica na prática do ofício.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Filosofia - PPGFilpor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::FILOSOFIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record