Show simple item record

dc.creatorMelo, Camila Muchon de
dc.date.accessioned2016-06-02T20:13:14Z
dc.date.available2005-03-16
dc.date.available2016-06-02T20:13:14Z
dc.date.issued2004-03-19
dc.identifier.citationMELO, Camila Muchon de. A concepção de Homem no Behaviorismo Radical de Skinner: um compromisso com o bem da cultura.. 2004. 106 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2004.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/4877
dc.description.abstractB. F. Skinner describes and explains human behavior through the selection by consequences causative model. According to this model, human behavior evolves through interactions among three levels of variability and selection (phylogeny, ontogeny and culture). Three flaws are pointed out by the author in the selection by consequences model. The conception of Man as a cultural planner, suggested in this study, allows the solution of the third flaw . This study had as its aim to investigate Man s conception in Skinner s Radical Behaviorism, derived from his theory on behavior evolution, interpreted as a commitment to the good of the culture. To achieve this, this thesis goes through three aspects: 1st Behavior evolution through the interrelations between survival and reinforcement contingencies; 2nd-Cultures evolution through the interrelations between reinforcement and cultural contingencies; 3rd Man s conception in Skinner s Radical Behaviorism in benefit of the good of the culture.eng
dc.description.sponsorshipFinanciadora de Estudos e Projetos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectBehaviorismopor
dc.subjectSeleção por conseqüênciaspor
dc.subjectEvolução do comportamentopor
dc.subjectCulturapor
dc.subjectRadical Behaviorismeng
dc.subjectSelection by consequenceseng
dc.subjectBehavior evolutioneng
dc.subjectCulture planningeng
dc.subjectManeng
dc.titleA concepção de Homem no Behaviorismo Radical de Skinner: um compromisso com o bem da cultura.por
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Abib, José Antônio Damásio
dc.contributor.advisor1Latteshttp://genos.cnpq.br:12010/dwlattes/owa/prc_imp_cv_int?f_cod=K4783411P1por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1015798975492836por
dc.description.resumoB.F. Skinner descreve e explica o comportamento humano por meio do modelo causal da seleção pelas conseqüências. Segundo esse modelo, o comportamento humano evolui através das interações entre três níveis de variação e seleção (filogênese, ontogênese e cultura). Três falhas são apontadas, pelo autor, no modelo da seleção pelas conseqüências. A concepção de Homem como planejador cultural, sugerida neste trabalho, permite a solução da terceira falha . Esse estudo teve como objetivo investigar a concepção de Homem no Behaviorismo Radical de Skinner, a partir de sua teoria sobre a evolução do comportamento, interpretada como um compromisso com o bem da cultura. Para tanto a dissertação percorre três aspectos: 1°- A evolução do comportamento através das inter-relações entre contingências de sobrevivência e de reforço; 2°- A evolução das culturas através das inter-relações entre as contingências de reforço e as contingências culturais; 3°- A concepção de Homem no Behaviorismo Radical de Skinner em prol do bem da cultura.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Filosofia e Metodologia das Ciênciaspor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::FILOSOFIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record