Show simple item record

dc.creatorRossi, Vanberto José
dc.date.accessioned2016-06-02T20:39:20Z
dc.date.available2014-07-11
dc.date.available2016-06-02T20:39:20Z
dc.date.issued2014-03-31
dc.identifier.citationROSSI, Vanberto José. Corpos reverberantes: novas (re)configurações de fitness e wellness nas academias de ginástica. 2014. 151 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2014.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/6763
dc.description.abstractThis monograph of completion of the course focuses on the social construction of the body in the environment of the gym. The proposal in general terms, is studying it in their everyday social profiles, delineate aspects of its components and establish some relationships between the gym, the subject and society, seeking to understand these relationships, especially with respect to the amount of this establishment to the current historical moment. The gym configures itself as a "no place", a social and a individual link between the parties and all that there is a large confluence of factors in that environment. On the other hand, there are still some traditional characteristics that perpetuate through the gym. Thus, there is the subject that it uses for the cult of the body, moved or not by social imperatives, and also the one who need it to survive, either through clinical or financial imperatives. These types of subject originate social niches that mediate an exchange of interest result of a universe that hovers between the imperatives of social and individual needs.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectAcademias de ginásticapor
dc.subjectAptidão físicapor
dc.subjectSociologia do corpopor
dc.subjectBem-estar corporalpor
dc.subjectWellnesspor
dc.subjectGymeng
dc.subjectFitnesseng
dc.subjectSociology of the bodyeng
dc.titleCorpos reverberantes: novas (re)configurações de fitness e wellness nas academias de ginásticapor
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Leite Júnior, Jorge
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7253561448346772por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/8029019783495881por
dc.description.resumoEsta dissertação versa, principalmente, sobre a construção social do corpo no ambiente da academia de ginástica. A proposta, em termos gerais, é estudá-lo em seus aspectos cotidianos, observando os perfis sociais dos seus frequentadores e estabelecendo algumas relações entre a academia de ginástica, o sujeito e a sociedade. A preocupação principal no decorrer de toda a pesquisa foi a de tecer uma argumentação fundamentalmente marcada pelas impressões dos indivíduos a respeito do universo das academias de ginástica e suas relações, buscando demonstrar os aspectos que os nativos entendem que sejam relevantes nas suas interações para podermos interpretá-los a partir dos conceitos da sociologia. A pesquisa foi desenvolvida em três academias de ginástica da cidade de São Carlos (SP) e buscou compreender um indivíduo em particular entre os seus freqüentadores, o qual que considerávamos como sendo o bodybuilder ou fisiculturista. A princípio, tomávamos esses termos como análogos e, no entanto, a pesquisa empírica demonstrou que não o são, nem desde a perspectiva teórica, seja da sociologia do corpo ou da educação física, nem do ponto de vista dos frequentadores das academias de ginástica. Esse nó do campo chamou a atenção para o fato de que, não obstante o corpo seja uma noção social e culturalmente construída, é preciso levar em consideração que cada indivíduo constrói a subjetividade do seu próprio corpo e a submete a cultura e a sociedade do momento em que vive.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Sociologiapor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record