Show simple item record

dc.creatorPires, Nayara Meneguetti
dc.date.accessioned2016-10-13T20:23:39Z
dc.date.available2016-10-13T20:23:39Z
dc.date.issued2016-03-03
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/7843
dc.description.abstractPartes de África, by the Portuguese writer Helder Macedo, is intriguing due to fragmentation and profusion of speeches that assembles when unites diverse voices, memory, history, autobiography and fiction in what the narrator calls a mosaic-inlaid mirrors. If on the one hand the narrative fragmentation is not new, on the other, the mirroring undertaken between its various pieces inserts the narrative in an undecidable place, refusing theories and binarisms in which the colonial world was engineered. In addition, there is a constant flirtation with referentiality, highlighted by the metaficcionality of a narrator self-conscious of the relativity of truth. For this reason, we pursue the hypothesis that Partes de África refuses the traditional speech forms which are identified with the idea of the writing’s ability to apprehend the truth about a subject or about his own time, as is the case with traditional history, the autobiography or the novels of eighteenth and nineteenth century. It is evident in this novel, a narrative way of relating to reality that is typical of the contemporary world, which conceives the notion of subject and history as categories constantly changing because they are hopelessly being modified by the future. Subject and history are an eternal construction and, to show this dynamic character, the narrator makes use of strategies used by traditional speeches to create an illusion of reality just to destabilize them, presenting them rather an effect of reality.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)por
dc.language.isoporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rights.uriAcesso abertopor
dc.subjectFicçãopor
dc.subjectHistóriapor
dc.subjectAutobiografiapor
dc.subjectContemporaneidadepor
dc.subjectPartes de Áfricapor
dc.subjectHelder Macedopor
dc.subjectFictioneng
dc.subjectHistoryeng
dc.subjectAutobiographyeng
dc.subjectContemporaneityeng
dc.subjectPartes de Áfricaeng
dc.subjectHelder Macedoeng
dc.titleHistória, autobiografia e ficção : a ilusão da realidade em partes de Áfricapor
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Rocha, Rejane Cristina
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5669300635333699por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/8959442231353525por
dc.description.resumoPartes de África, do escritor português Helder Macedo, é intrigante devido à fragmentação e profusão de discursos que agrega ao unir diversas vozes, memória, história, autobiografia e ficção naquilo que o narrador chama mosaico incrustado de espelhos. Se por um lado a fragmentação da narrativa não constitui novidade, por outro, o espelhamento empreendido entre seus diversos cacos inscreve a narrativa em um lugar indecidível, que recusa teorizações e os binarismos no qual o mundo colonial foi arquitetado. Além disso, há um constante flerte com a referencialidade, posto em evidência pela metaficcionalidade de um narrador autoconsciente da relatividade da verdade. Por esta razão, perseguimos a hipótese de que Partes de África recusa as formas de discurso tradicionais que compactuam com a ideia da escrita ser capaz de captar a verdade a respeito de um sujeito ou de seu próprio tempo, como é o caso da história tradicional, da autobiografia ou dos romances do século XVIII e XIX. Evidencia-se, neste romance, um modo de relacionamento da narrativa com a realidade muito próprio da contemporaneidade, que encara a noção de sujeito e de história como categorias em constante mutação por estarem irremediavelmente sendo modificadas pelo futuro. Sujeito e história são uma eterna construção e, para mostrar esse caráter dinâmico, o narrador faz uso de estratégias utilizadas pelos discursos tradicionais para criar uma ilusão de realidade apenas para desestabilizá-las, apresentando-nos, antes, um efeito de realidade.por
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Estudos de Literaturapor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpor
dc.ufscar.embargoOnlinepor
dc.publisher.addressCâmpus São Carlospor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record