Show simple item record

dc.creatorBaldan, Merilin
dc.date.accessioned2016-06-02T19:36:02Z
dc.date.available2015-05-26
dc.date.available2016-06-02T19:36:02Z
dc.date.issued2015-02-26
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/2373
dc.description.abstractThe PhD research with the title Highlighting the debate between tradition and modernity in pedagogical ideas during the 1920-1930 decades: the sketch of a conflict is an investigation about pedagogical press and pedagogical ideas. The main source of this research is the Serie Atualidades Pedagógicas, linked to the Collection Biblioteca Pedagógica Brasileira, edited by Fernando de Azevedo, one of the leaders of Brazilian Progressive Education Movements. We delineate the sources over the period from 1931 to 1939 in which the Serie had published the majority of titles linked to Biology and Psychology Sciences, due to the projections of these sciences for innovation of Education by Progressive Education Movements. The research question can be describe in the next questions: How did the aspects of tradition and modernity constituted the pedagogical ideas in Progressive Education Movement in Brazil? What is the contribution of Biology and Psychology in the discussion about the old and new in Education among the titles published in the Serie Atualidades Pedagógicas? . The main aim is to apprehend and analyse the relation between tradition and modernity in the clash of the pedagogical ideas in the first part of the XXth century from the analysis corpus. The specific objectives can be described as in the next points: (a) Comprehend the clash between the tradition and modernity in the Azevedo Pattern in the Serie Atualidades Pedagógicas (1931 to 1939); and, (b) Reveal the contributions of Biological and Psychological Sciences to innovate the pedagogical ideas, considering the concepts of school, teacher and children. The theoretical framework to support our analysis is based on the Cultural History, highlighted theories by Marc Depaepe and Michel de Certeau. The doctoral research was organized in introduction, three chapters and conclusion. The first chapter has the main aim to discuss the theoretical framework used in our source s analysis. The second chapter has the main objective to present the historical, social, economical and cultural context in which is developed the society, the education and Fernando de Azevedo s reforms and his educational discourse. The historical time let us observe a double relationship between social-cultural and educational aspects in concern with the modernization of society and educational reform among the politics, intellectuals and educators in this time. The Azevedo´s viewpoint as journalist, reformer, editor and intellectual let us to comprehend the ways as him organize the titles and authors to compose his Series Atualidades Pedagógicas. The third chapter has the objective to point out the homogeneous and heterogeneous ideas from Progressive Education Movement, the role of Biology and Psychology in the educational thought and analysis of the sources from analytical categories: school s, teacher s and children s conception. In this sense, we can observe that some questions, in circulation during this time, it were common and result in a homogenous ideas among the pedagogical discourse. However, these ideas, representing different ways to interpret, translate, appropriate and uses in the educational field, that is, heterogeneous ideas. The build and development of the sciences occurred pari passu with the appropriations and results in a vary among the scientific filed. The biological and psychological sciences conducted to discovery and review of child´s, teacher´s and school´s concepts. In summ, it is important to observe the demithyfication of intellectuals and hegemonic pedagogical discourse to find the aspects of continuum and disrupt in the educational practices.eng
dc.description.sponsorshipFinanciadora de Estudos e Projetos
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectEducação - históriapor
dc.subjectEscola novapor
dc.subjectAtualidades pedagógicaspor
dc.subjectAzevedo, Fernando de, 1894-1974por
dc.subjectBrazilian pedagogical presseng
dc.subjectProgressive educationeng
dc.subjectFernando de Azevedoeng
dc.titleNotas sobre o debate entre a modernidade e a tradição nas ideias pedagógicas nas décadas de 1920 e 1930: o esboço de um conflitopor
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Hai, Alessandra Arce
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3845288858275245por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1459099126062848por
dc.description.resumoA pesquisa de doutorado intitulada Notas sobre o debate entre a modernidade e a tradição nas ideias pedagógicas durante as décadas de 1920 e 1930: esboço de um conflito é uma investigação teórica sobre a imprensa pedagógica e as ideias pedagógicas. A fonte primária da pesquisa é a Serie Atualidades Pedagógicas, ligada a Biblioteca Pedagógica Brasileira, editada por Fernando de Azevedo, porta-voz do Movimento da Escola Nova no Brasil. Delimitamos as nossas fontes sobre o período entre 1931 a 1939 devido a incidência dos títulos publicados vincularem-se a Biologia e a Psicologia, ciências estas que foram fundamentais para a renovação pedagógica dentro do Movimento da Escola Nova. A problemática da pesquisa pode ser descrita nas seguintes questões: Que aspectos da tradição e da modernidade constituem as ideias pedagógicas na Pedagogia das Escolas Novas no Brasil? Qual a contribuição da psicologia e da biologia na discussão da nova e da velha educação no Brasil, por meio da serie Atualidades Pedagógicas? O objetivo geral da pesquisa é apreender e analisar a relação entre a tradição e a modernidade no embate das ideias pedagógicas na primeira metade do século XX a partir do corpus de análise. Assim, como objetivos específicos estipulados para a investigação foram: (a) Compreender o embate entre a tradição e a modernidade no padrão azevediano na Serie Atualidades Pedagógicas, da Coleção Biblioteca Pedagógica Brasileira, no período de 1931 e 1939; e, (b) Revelar a contribuição da biologia e da psicologia para a renovação das ideias pedagógicas, considerando a representação de criança, de professor e de escola, uma vez que estas categorias foram centrais na discussão das ideias pedagógicas e no discurso científico. O referencial teórico metodológico que deu suporte as nossas análises está baseada na História Cultural, com destaques aos teóricos Marc Depaepe e Michel de Certeau. A pesquisa foi organizada em introdução, três seções e considerações finais. A primeira seção tem como objetivo discutir o referencial teórico metodológico utilizado para a análise das fontes. Já a segunda seção tem como objetivo descortinar o contexto socioeconômico, cultural e educacional nas décadas de 1920 e 1930 e que refletiram sobre a sociedade, a educação e a produção de Fernando de Azevedo. O contexto histórico permite observar uma correlação entre os aspectos socioculturais e os aspectos educacionais frente a preocupação dos políticos, dos intelectuais e educadores em geral em modernizar a sociedade e reformar a educação. A visão de Fernando de Azevedo sob esses aspectos e a sua trajetória como jornalista, reformador, editor e intelectual permitem compreender os modos como ele procurou organizar os títulos e autores para compor a Serie Atualidades Pedagógicas. Por fim, a terceira seção, tem o objetivo de discutir as relações entre homogeneidade e heterogeneidade presente nas ideias da escola nova, o papel da biologia e da psicologia no pensamento educacional e análise das fontes de pesquisa a partir das categorias de análise: concepção de escola, concepção de professor e concepção de criança. Neste aspecto, podemos perceber algumas questões/ideias centrais e comuns em circulação nesse período permitindo observar certa homogeneidade no discurso pedagógico, elas refletem diferentes modo de interpretação, de tradução, de apropriação e de usos na educação que revelam a sua heterogeneidade. A própria construção e desenvolvimento da ciência pari passu a sua apropriação revela a sua variedade dentro dos campos científicos da biologia e da psicologia que foram responsáveis por uma descoberta e revisão dos conceitos de escola, de professor e de criança. Em suma, é importante observar a importância da desmistificação dos protagonistas e do discurso pedagógico hegemônico e homogêneo sobre as ideias pedagógicas desse período, para desvelar as suas continuidades e rupturas dentro do discurso pedagógico produzido nesse contexto histórico.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Educaçãopor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record