Show simple item record

dc.creatorPerez, Renata Reis Munhoz
dc.date.accessioned2016-06-02T19:45:59Z
dc.date.available2004-11-22
dc.date.available2016-06-02T19:45:59Z
dc.date.issued2003-07-30
dc.identifier.citationPEREZ, Renata Reis Munhoz. Programa educativo sobre o desenvolvimento infantil para mães sociais.. 2003. 132 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2003.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/2978
dc.description.abstractThis work had for objectives to develop, to apply and to evaluate an educational program on the infantile development, from 0 to 2 years, for social mothers of the nursery of the orphanage. They announced of this research three social mothers that work with children from 0 to 2 years. For the materialization of the proposed objective, the work was divided in nine stages. In the first stage, it was made an observation of the routine of the social mothers' performance in the bath activities and change of clothes, hour of feeding and activities of play, serving as base for the development of the program. In the second stage, the questionnaire 1 was applied (pré-test). In the third, a program was implemented with the elaboration and application of the first four classes, with the duration of one month. In the fourth stage, it was applied the questionnaire 1 again (powder-test). In the fifth stage, the questionnaire 2 was applied (pré-test). In the sixth stage, they were applied the last four classes of the program, with the duration of one month. In the seventh stage, it was accomplished the application of the questionnaire 2 again (powder-test). In the eighth stage the mothers' new filmings were accomplished with the children at the end of the course. Therefore after, the ninth stage was accomplished (Follow-up) that consisted in the evaluation of the program during the three months after the end of the interventions. The results showed that the social mothers don't obey her/it any acting pattern with relationship the children's observation. The one that the work showed was individual differences in the form of working with the children in the routine situations. Besides, they lack important information for the social mothers concerning the development in general of the children in that phase, and the importance of their proximity in the first years of the baby's life. Finally, the studiousness of the program showed to be necessary and important to minimize such problems. There was change in the degree of the mothers' knowledge on the infantile development and in the interactions with the children, and this can influence on a larger entail among mother-child.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectMétodos de ensino e práticapor
dc.subjectMães sociaispor
dc.subjectPrevenção de deficiênciapor
dc.subjectDesenvolvimento infantilpor
dc.titlePrograma educativo sobre o desenvolvimento infantil para mães sociais.por
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Emmel, Maria Luisa Guillaumon
dc.contributor.advisor1Latteshttp://genos.cnpq.br:12010/dwlattes/owa/prc_imp_cv_int?f_cod=K4787566Z9por
dc.description.resumoEste trabalho teve por objetivos desenvolver, aplicar e avaliar um programa educativo sobre o desenvolvimento infantil, de 0 a 2 anos, para mães sociais do berçário do orfanato. Participaram desta pesquisa três mães sociais que trabalham com crianças de 0 a 2 anos. Para a concretização do objetivo proposto, o trabalho foi dividido em nove etapas. Na primeira etapa, foi feita uma observação da rotina de atuação das mães sociais nas atividades de banho e troca de roupa, hora de alimentação e atividades lúdicas, servindo como base para o desenvolvimento do programa. Na segunda etapa, foi aplicado o questionário 1 (pré-teste). Na terceira, foi implementado um programa com a elaboração e aplicação das quatro primeiras aulas, com a duração de um mês. Na quarta etapa, foi aplicado novamente o questionário 1 (pós-teste). Na quinta etapa, foi aplicado o questionário 2 (pré-teste). Na sexta etapa, foram aplicadas as quatro últimas aulas do programa, com a duração de um mês. Na sétima etapa, foi realizada novamente a aplicação do questionário 2 (pós-teste). Na oitava etapa foram realizadas novas filmagens das mães com as crianças ao final do curso. Logo após, foi realizada a nona etapa (Follow-up) que consistiu na avaliação do programa durante os três meses após o término das intervenções. Os resultados mostraram que as mães sociais não obedecem a nenhum padrão de desempenho com relação à observação das crianças. O que o trabalho mostrou foram diferenças individuais na forma de lidar com as crianças nas situações de rotina. Além disso, faltam informações relevantes para as mães sociais acerca do desenvolvimento em geral das crianças nessa fase, e a importância da proximidade delas nos primeiros anos de vida do bebê. Finalmente, a implementação do Programa mostrou ser necessário e importante para minimizar tais problemas. Houve mudança no grau de conhecimento das mães sobre o desenvolvimento infantil e nas interações com as crianças, e isto pode influir num vínculo maior entre mãe-criança.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Educação Especialpor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAO::EDUCACAO ESPECIALpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record