Show simple item record

dc.contributor.authorSantos, Vivian
dc.date.accessioned2018-03-16T11:36:50Z
dc.date.available2018-03-16T11:36:50Z
dc.date.issued2017-02-16
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/9575
dc.description.abstractThe results of the current educational policy destined to promote scholar access to the Special Educational Target Audience (SETA) needs to be analyzed. A possible way of doing this is through census scholar data. However, considering the inconsistencies and difficulties of using these data, so, a question has been risen: how to advance in analysis procedures of the census scholar data aiming to optimize the use of these data to evaluate educational policies? Looking for an answer to this question, this study has as general objective: to explore the limits and possibilities of alternative methodological procedures to analyze census data aiming to optimize the use of these data to evaluate the scholar inclusion policy. And, as specific objectives: 1) to identify and analyze some of the possible inconsistences that are in the enrolment micro data of the census scholar data; 2) to compare the characteristics of basic education students that are SETA to those who are not SETA; 3) To analyze, in a comparing way, the age-grade distortion in basic education of students that are SETA and also those who are not SETA. About the methodology, this is a documental, quantitative and comparative study. The data source is the enrolment microdata of the census scholar data, between 2008 and 2014. The sample is composed of 48 cities located in São Paulo State, three of which are administrative region of this state. The results of these cities were combined. To read, treat and analyze the data, the statistical softwares IBM SPSS Statistics and Statistical Analysis System were used. To answer the first specific objective, the researcher elaborated counters through the software SAS. To answer the second specific objective, perceptual maps stem from Multiple Correspondence Analysis (MCA) was elaborated, and, for the third specific objective, graphs and sheets were elaborated. The results were organized in three groups, one for each specific objective. The results about the inconsistences showed that it is necessary to improve the census scholar data, specially the register of the students with multiple disabilities. The MCA results showed similarities between the students that are SETA and those who are not SETA, emphasizing the relation that showed more school evasion for male students and, also, a strong relation between students going to kindergarten and reaching high school. In regard to the age-grade diction, the results showed huge rates of students who are SETA, these rates being a lot superior to the students who are not SETA, which demonstrates that SETA students start their regular education later than other students. In conclusion, once comprehended that the objectives were reached, and that this study brings academic and social contributions, since it proposes to advance the analysis field of the subjected studied, and, with these analysis, will make it possible to look to improve the census scholar data, including the treatment of these data, thus improving this statistical tool that is utilized to create and evaluate educational policies in Brazil.eng
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)por
dc.language.isoporpor
dc.publisherUniversidade Federal de São Carlospor
dc.rights.uriAcesso abertopor
dc.subjectEducação especialpor
dc.subjectPolítica de inclusão escolarpor
dc.subjectCenso escolarpor
dc.titleAnálise de indicadores educacionais censitários da política de inclusão escolar : uma proposta metodológicapor
dc.title.alternativeAnalysis of census scholar educational indicators of the scholar inclusion policy : a methodological proposaleng
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor1Mendes, Enicéia Gonçalves
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3897627554738983por
dc.description.resumoOs resultados da atual política educacional voltada à promoção do acesso escolar aos alunos que compõem o público alvo da Educação Especial (PAEE) precisam ser analisados. Um dos caminhos possíveis para tal análise é através do uso de dados censitários. Porém, dada às inconsistências e dificuldades no uso destes dados, questiona-se: como avançar nos procedimentos de análise dos indicadores educacionais censitários visando potencializar a utilização destes na avaliação de políticas educacionais? Visando responder a esta questão, o presente estudo tem como objetivo geral: Explorar os limites e possibilidades do uso de procedimentos metodológicos alternativos para a análise de indicadores educacionais censitários visando potencializar a utilização destes para avaliação da política de inclusão escolar. Já, como objetivos específicos, tem-se: 1) Identificar e analisar algumas das possíveis inconsistências existentes nos microdados de matrícula do censo escolar; 2) Comparar as características dos estudantes da educação básica do PAEE em relação aos demais; e 3) Analisar de forma comparada a distorção idade-série na educação básica tanto do PAEE em relação aos demais estudantes da Educação Básica. No que diz respeito à metodologia, trata-se de um estudo documental, quantitativo e comparativo. A fonte de coleta de dados consiste nos microdados de matrícula do censo escolar, entre os anos de 2008 e 2014. A amostra é composta por 48 municípios paulistas, três de cada uma das 16 regiões administrativas do estado de São Paulo. Os dados são apresentados de forma agregada. Para a leitura, tratamento e análise dos dados foram utilizados os softwares IBM SPSS Statistics e Statistical Analysis System. Para responder ao primeiro objetivo específico foram elaborados contadores através do SAS. Já para o segundo objetivo específico utilizou-se a construção de mapas perceptuais, originados a partir da Análise de Correspondência Múltipla (ACM) e, para o terceiro, elaborou-se gráficos e tabelas. Os dados coletados foram organizados em três conjuntos de dados, sendo um destinado à cada objetivo especifico. Os resultados em relação às inconsistências demonstraram necessidade de aprimoramento no censo escolar, em especial em relação ao cadastro das matrículas dos alunos com deficiência múltipla. Os resultados da ACM demonstraram semelhança entre o perfil do alunado PAEE e não PAEE, havendo destaque para as relações que demonstram maior evasão escolar de alunos do sexo masculino e também uma relação entre o aluno frequentar a educação infantil com chegar ao ensino médio. Já a distorção idade-série demonstrou índices altíssimos quando se trata do alunado PAEE, sendo muito superiores aos alunos não PAEE, evidenciando a entrada tardia dos alunos PAEE na escola regular. Concluindo, compreende-se que os objetivos foram alcançados, e que o presente estudo traz contribuições tanto acadêmicas quando sociais, uma vez que se propõe avanços no campo de análise do objeto estudado, e, a partir de tais análises, pode-se buscar aprimoramentos no censo escolar, incluindo os tratamentos destes dados, viabilizando, assim, o aprimoramento desta ferramenta estatística que utilizada para a criação e avaliação de políticas educacionais no Brasil.por
dc.publisher.initialsUFSCarpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Educação Especial - PPGEEspor
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAOpor
dc.ufscar.embargoOnlinepor
dc.publisher.addressCâmpus São Carlospor
dc.contributor.authorlatteshttp://lattes.cnpq.br/2658245807750269por


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record